domingo, 9 de março de 2014

As traduções da bíblia e a imposição da crença na Santíssima Trindade

A tradução da bíblia para um idioma, o português, por exemplo, deve estar de acordo com aquilo que existe no escrito original, nos manuscritos antigos do hebraico (antigo testamento) e dos manuscritos gregos (novo testamento), com algumas variantes em outros idiomas como o aramaico por exemplo.

Agora eu me coloco no lugar de uma pessoa neófita, de um prosélito, de um novo convertido ao ler a bíblia com uma tradução de PALAVRAS que não existem no original. Darei uns exemplos: 



1-Deus nunca foi visto por alguém. O F I L H O  unigênito, que está no seio do Pai, esse o revelou-João 1:18 ARC (Almeida Revista e Corrigida)

2-Ninguém jamais viu a Deus. O D E U S  unigênito, que está no seio do Pai, esse o deu a conhecer-João 1:18 (Almeida Revisada Imprensa Bíblica)

3-Ninguém jamais viu a Deus, mas o D E U S  Unigênito, que está junto do Pai, o tornou conhecido-João 1:18 NVI (Nova Versão Internacional)

4-Ninguém jamais viu a Deus; o D E U S  unigênito que está no seio do Pai, esse o revelou-João 1:18 (Sociedade Bíblica Britânica)

5-Ninguém jamais viu Deus. O F I L H O  único, que está no seio do Pai, foi quem o revelou-João 1:18 (Versão Católica)

6-Ninguém nunca viu Deus. Somente o F I L H O  único, que é D E U S  e está ao lado do Pai, foi quem nos mostrou quem é Deus-João 1:18 NTLH (Nova Tradução na Linguagem de Hoje)

Os sacerdotes judeus naquele julgamento feito na madrugada perguntaram a Jesus e ELE respondeu: És tu o Cristo, Filho do Deus Bendito? E Jesus disse-lhe: Eu o sou, e vereis o Filho do homem assentado à direita do poder de Deus, e vindo sobre as nuvens do céu-Marcos 14:61-62. 

A pergunta que Jesus respondeu é aquilo que a Bíblia revela naquilo que está escrito: Tu és o FILHO? Eu SOU! Mas as traduções futuras da Bíblia editaram na correção palavras que fundamentam a doutrina da TRINDADE, ou até mesmo a dourina UNICISTA de Deus. Nessas traduções fora do escrito original colocam JESUS como sendo o Deus no seio de Deus que vai de encontro aquilo que a doutrina UNICISTA ensina, bem como a TRINITARIANA.

Mas vamos aos escritos originais do novo testamento que é o GREGO:

Ουδεις ειδε ποτε τον Θεον· ο μονογενης Υ Ι Ο Σ, ο ων εις τον κολπον του Πατρος, εκεινος εφανερωσεν αυτον-João 1:18

No original está escrito ΥΙΟΣ que significa apenas FILHO. Ali não cabe traduzir como DEUS UNIGÊNITO ou inserir as palavras QUE É DEUS que não cabem POR FALTA de algo que dê esse sentido. Contudo o ESPÍRITO SANTO não revelou esse sentido a JOÃO.

Muitas coisas estão mudando com relação as traduções bíblicas, mas isto está relatado na própria bíblia usada pelos tradutores cristãos. Jesus diz assim sobre este assunto: "se alguém lhes acrescentar alguma coisa, Deus fará vir sobre ele as pragas que estão escritas neste livro... e, se alguém tirar quaisquer palavras do livro desta profecia, Deus tirará a sua parte do livro da vida"-Apocalipse 22.18,19

Essa mentira referente a tradução sem palavras no LÉXICO original vai se tornar verdade na próxima geração. Mas a verdade sobre esse assunto difícil de entender sobre TRINDADE ou UNICISMO e que as traduções tentam impor aos leitores só é revelada pela simples leitura daquilo que Jesus fala na BÍBLIA. ELE diz assim de DEUS: "que te conheçam, a ti só, por único Deus verdadeiro" e diz de SI mesmo: "e a Jesus Cristo, a quem enviaste" (João 17:3). Vejam, Jesus aqui está falando como 100% homem. É a parte humana dele que chama o PAI de único DEUS verdadeiro (a Cristologia fala sobre isso como no exemplo de Mc 13.32 e Mt 24.36 sobre a humanidade de Jesus) 

Contudo, a escritura diz assim quando ELE já está no céu, glorificado, por revelação a João: "Revelação de Jesus Cristo, a qual Deus lhe deu-Apocalipse 1:1".  Jesus revelou a João aquilo que o PAI lhe deu. E Jesus diz agora por revelação, mas já está no céu, glorificado: "E ao que vencer, e guardar até ao fim as minhas obras, eu lhe darei poder sobre as nações... como também recebi de meu Pai-Apocalipse 2:27". E mais lá no céu, glorificado: "e confessarei o seu nome diante de meu Pai e diante dos seus anjos-Apocalipse 3:5". 

Na REVELAÇÃO, ou Apocalipse, Jesus já está no céu, com a mesma glória que tinha antes que o mundo fosse formado (João 17:5) e diz assim de DEUS, o PAI: "e escreverei sobre ele o nome do meu Deus, e o nome da cidade do meu Deus, a nova Jerusalém, que desce do céu, do meu Deus, e também o meu novo nome-Apocalipse 3:12". E mais: "Ao que vencer lhe concederei que se assente comigo no meu trono; assim como eu venci, e me assentei com meu Pai no seu trono-Apocalipse 3:21".

Existem mais versos referentes a Jesus Cristo glorificado. Procure nas cartas e no apocalipse e se precisar, vá as traduções, sem esquecer dos originais gregos. Porque com o tempo as mentiras se tornam verdades, como acontece quando lemos os livros do Antigo Testamento referentes as verdades de Deus e as mentiras dos profetas que o povo aceitava.

Fontes: http://www.bible.is/PORNLH/John/1/D
            http://www.bibliaonline.com.br/
            http://pt.wikipedia.org/wiki/Filho_de_Deus
            http://tradutor.sensagent.com/filho/pt-el/
E as traduções de bíblias aqui de casa em português, inglês, norueguês, grego e hebraico.

Nenhum comentário: